TEMPO COMUM "Grande é a messe, poucos são os operários" Lc 10,2

INFORMATIVO

Cadastre e receba nosso informativo

04/04/2017 Seminaristas do curso de Teologia se reúnem em retiro Pe. José Estevam foi quem ministrou o encontro de formação para os seminaristas

De 30 de março à 02 de abril ocorreu no Centro de Formação Terceiro Milênio São Francisco de Assis em Primavera do Leste – MT, o Retiro anual dos seminaristas da Teologia do regional Oeste II, proporcionado pela Faculdade SEDAC.

Padre José Estevam de Paiva, SDN vindo da região mineira de Matozinhos que ministrou o retiro que seguiu o itinerário: caminhar com Maria, “Faça-se em mim segundo a tua palavra” (Lc 1.28). Maria, mulher que acolheu o Reino de Deus e convida juntos a acolhê-lo também. Ela que caminha e se compadece do seu povo que sofre, mãe e mestra, que ensina a olhar Jesus e obedecer seu mandamento. Pe. Estevam tomou este tema em vista do Ano Mariano proposto ao Brasil, em comemoração dos 300 anos da aparição de Nossa Senhora da Conceição Aparecida.

A partir do seguimento de Jesus, a exemplo de Maria, discorreu-se num segundo momento sobre a Eucaristia que forma para a missão. Os teólogos foram convidados a olhar na direção de Jesus Eucarístico e acolher com gratidão e humildade o mistério que Jesus deixou. O projeto primordial deixado por Jesus é amar servindo e servir amando. Como São João da Cruz dizia: “Em tudo amar e servir”. E, nesse grande amor deixado, o exemplo por Jesus culmina na doação total na cruz, e um mandamento: “fazei isto em memória de mim”. Aos discípulos, celebrem a ceia do “amor” – a grande graça do corpo e sangue de Jesus para aqueles que creem nele.

Terceiro e último ponto abordado por Pe. Estevam abordou a missão que merece a santidade dos seus servidores, e apontou para os teólogos os apelos para a missão hoje. Para dirigir uma comunidade é preciso amar: “Onde não há amor, plante amor, e colherás amor” (São João da Cruz). E nesse amor plantado colherás a grande graça de contemplar seus irmãos rumo ao céu.

O mesmo Deus que dá a graça santificante de estar com ele, envia em missão, para as várias realidades das dioceses, com suas nuances, dissabores, dificuldades, mas também, com muitas graças, bênçãos, alegrias e satisfações.