TEMPO DA QUARESMA "Em nome de Cristo, suplicamo-vos: reconciliai-vos com Deus" (2 Cor 5, 20)

INFORMATIVO

Cadastre e receba nosso informativo

09/03/2020 Seminário Regional Pós Sínodo

Aconteceu, no Regional Oeste II da CNBB com sede em Cuiabá-MT, nos dias 07 e 08 de março/2020, o Seminário Regional Pós Sínodo. Com a presença de representantes de todas as oito Dioceses que compõem o Regional, entre eles, vários indígenas de diversos povos, também ribeirinhos, participação ecumênica Luterana, acompanhamento direto de Dom Neri José Tondello (Bispo de Juína) e Dom Jacy Diniz Rocha (Bispo de São Luiz de Cáceres) – que participaram também em nome dos demais bispos do Regional …. Realizou-se esse tão esperado e importante momento pós Sinodal, com o suporte da REPAM-Brasil (Rede Eclesial Panamazônica) e a assessoria feita por um dos integrantes do Comitê Central Executivo da REPAM, Leon Souza.

Além de ter sido um especial momento de encontro, vivência fraterna e espiritualidade, desenvolveu-se vários itens de Pauta significativos. Entre eles a retomada do processo vivido nos últimos anos, desde a Evangelii Gaudium em 2013, a criação do Organismo REPAM em 2014, passando pela Laudato Si em 2015, pela Episcopalis Communio em 2018, pelas Escutas pré-sinodais, pelos encontros e assembleias de estudo, chegando no Sínodo em outubro de 2019, no Documento Sinodal e na recente Exortação Apostólica “Querida Amazônia”. Também valorizou-se muito o que pôde ser colhido e visibilizado das atividades concretas já realizadas pelo Regional e que esteve diretamente alinhado com todo esse caminho.

Teve lugar um momento de retomada e aprofundamento dos sonhos do papa Francisco para a Amazônia, a partir dos elementos teológicos e pastorais da Exortação Apostólica Pós Sinodal.
Com a metodologia proposta de trabalhos em grupos constituídos por identificação com as Realidades/Sonhos (Cultural, Social, Ecológico e Eclesial), foi possível identificar, a partir do Documento Final do Sínodo, bem como das Fortalezas e Desafios descobertos e analisados a partir da realidade das Dioceses presentes, as ações a serem realizadas a nível regional, com um precioso elenco de atividades a serem propostas às Igrejas Diocesanas da Região Pan amazônica do Mato Grosso.

“A busca deste Sínodo dos ‘novos caminhos para a Igreja e para uma ecologia integral’ dá conta dos mais urgentes desafios para este corpo eclesial que segue o projeto do Reino de Jesus, e a Amazônia é um rosto, um espelho e um paradigma que serve como referência e como catalisador de algo que excede em muito a territorialidade específica desse espaço ecossistêmico, sociocultural e geográfico.”