TEMPO COMUM Respondeu-lhes Jesus: "Errais, não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus". (MT 22,29)

INFORMATIVO

Cadastre e receba nosso informativo

19/10/2016 Sedac oferece curso de Capelania Hospitalar o curso oferecerá subsídios teológico-antropológicos do ponto de vista cristão sobre o ser humano em estado de enfermidade

A Faculdade Católica de Mato Grosso – Sedac atenta à necessidade do exercício da Capelania Hospitalar em todas as nove dioceses do Regional Oeste 2, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), e considerando especificamente a experiência já em andamento dos acadêmicos do Curso de Teologia, no Hospital de Câncer de Mato Grosso, em Cuiabá, realiza, a partir de 29 de outubro, curso de extensão, com o nome de “Ministério da Capelania Hospitalar”, com foco voltado para o enfermo e familiares.
O curso, por meio de módulos temáticos, será desenvolvido dentro de uma perspectiva multidisciplinar e ecumênica. “Nosso objetivo é qualificar os ministros das Igrejas e colaboradores(as) para visita, assistência espiritual cristã e o acompanhamento de enfermos e familiares, estabelecendo ligação entre a formação teórica, o cuidado pastoral dos doentes e o ambiente hospitalar e familiar”, diz o diretor-geral da Faculdade Católica, padre Edson Sestari.
De acordo o diretor, o curso oferecerá subsídios teológico-antropológicos do ponto de vista cristão sobre o ser humano em estado de enfermidade, considerando a relação intrínseca entre a enfermidade, saúde e a salvação. “Destacaremos ainda o exercício do ministério da capelania no que diz respeito à linguagem, comportamentos e ética em ambiente hospitalar”, assinala, acrescentando que os participantes receberão conteúdos sobre a tanatologia que dará compreensão dos estágios da enfermidade, como também informações sobre Psicologia para que tenham compreensão de aspectos psicossociais do enfermo frente à própria morte.

Posição – A Igreja Católica no Brasil tem insistido por diversas vezes e cada vez com mais frequência, através de discursos, documentos e planos pastorais, sobre a formação dos agentes, para atender as demandas relativas à assistência religiosa, à evangelização e o testemunho da fé cristã. Dessa forma, conforme relata padre Edson Sestari, constata-se, em Mato Grosso, a carência de agentes eclesiais formados a partir de orientações teológico-pastorais atualizadas e em comunhão com a Igreja local. “Então, estamos indo ao encontro dessa necessidade”, pondera padre Edson.
O sacerdote lembra ainda que o exercício do Ministério da Capelania Hospitalar caracteriza-se por ser um ofício especializado, para o qual a boa-vontade é indispensável, mas insuficiente, exigindo, para isso, formação específica e de excelência, considerada a situação existencial crucial, do ponto de vista físico, psíquico e espiritual em que se encontram os enfermos efamiliares.
“A formação para esse exercício faz-se, por isso, necessária, com vistas à capacitação para atender, em modo planejado, a demanda da prática do ministério eclesial com alcance à prestação de serviço público”, esclarece o diretor-geral da Faculdade Católica, reforçando que a presença de capelães e colaboradores é admitida, respeitada e até desejada na maioria dos hospitais mato-grossenses, sendo, inclusive, uma necessidade nem sempre suprida.

Público – O curso é aberto para sacerdotes, pastores, diáconos, religiosos(as) consagrados(as), seminaristas e agentes eclesiais católicos Igreja Católica e das Igrejas membro do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic): Além das Igreja Católica Apostólica Romana, Igreja Episcopal Anglicana do Brasil (IEAB), Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB),
Igreja Sirian Ortodoxa de Antioquia (ISOA) e Igreja Presbiteriana Unida (IPU).
Podem participar também do curso acadêmicos das áreas humanas e profissionais da saúde pública, colaboradores e voluntários.

Aula inaugural – O início do curso está marcado para 29 de outubro (sábado), das 7h30 às 11h30. A aula será ministrada pelo pastor Deolindo Feltz, da Igreja de Confissão Luterana do Brasil. Os outros cinco módulos do curso, com carga horária de 28 horas/aula, serão desenvolvidos nos dias cinco, 12, 19 e 26 de novembro e seis de dezembro.

Certificado – Receberão certificado os participantes que tiverem igual ou acima de 75% de presença no curso.

Endereço – A Faculdade Católica de Mato Grosso fica na Rua do Seminário, 105, bairro Cristo Rei, em Várzea Grande. Outras informações pelo e-mail: secretaria.geral@sedac.edu.br, pelo portal: www.sedac.edu.br, ou pelos telefones: (65) 3685 0897 – 98459 2487.