TEMPO COMUM ''Minhas ovelhas escutam minha voz, eu as conheço e elas me seguem.'' Jo 10,27

INFORMATIVO

Cadastre e receba nosso informativo

08/02/2019 Pastoral da Saúde: presença samaritana da Igreja no Brasil junto aos enfermos

”Recebestes de graça, dai de graça”. Este trecho do Evangelho de Mateus é o tema da mensagem do Papa Francisco para o 27º Dia Mundial do Enfermo, celebrado nesta segunda-feira, 11 de fevereiro. A celebração solene será em Calcutá, na Índia.

Na mensagem, Francisco explica que a temática desse ano traz a reflexão de que o caminho mais credível de evangelização são gestos de dom gratuito, como os do Bom Samaritano. Nesse caminho, na Igreja no Brasil, está a Pastoral da Saúde que há muitos anos desenvolve um trabalho de assistência aos doentes, familiares, profissionais de saúde e à comunidade, de modo integral, nos aspectos físico, psíquico, social e espiritual. O Documento de Aparecida, no nº 418, a define: “A Pastoral da Saúde é a resposta às grandes interrogações da vida, como são o sofrimento e a morte, à luz da morte e da ressurreição do Senhor”.

O bispo de Campos (RJ) e referencial da Pastoral da Saúde, dom Roberto Ferreria Paz, ressalta que a assistência da fé trás o encontro com o Deus da Vida. “Saúde é um dom e uma dádiva que se recupera refazendo laços, sentido da vida que retoma a alegria e esperança da nossa inteireza e filiação. A Fé assume a pessoa na sua integralidade e a saúde é um estado de viver a plenitude a que estamos chamados”.

A Pastoral da Saúde é organizada em três dimensões de atuação: solidária, comunitária e político-institucional. Sua atuação acontece em todos os lugares que estão, direta ou indiretamente, ligados à saúde: unidades hospitalares, domicílios, asilos, creches, escolas, associações de bairro, sindicatos e conselhos de saúde.

“Nesse contexto, os agentes assumem um papel de fundamental importância: acolhendo, escutando, oferecendo a proximidade fraterna, dando-lhe força, renovando as esperanças”, ressalta o condenador nacional da Pastoral da Saúde, Alex Mota.

 

Confira a notícia na integra