TEMPO COMUM Respondeu-lhes Jesus: "Errais, não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus". (MT 22,29)

INFORMATIVO

Cadastre e receba nosso informativo

09/08/2017 Parapsicóloga realizou palestra para leigos da Diocese de Cáceres Participaram cerca de 200 pessoas de toda a região

‘Não há soluções mágicas para problemas reais. O melhor remédio na hora da dificuldade é dobrar o joelho e pedir sabedoria para resolvê-los a um poder superior’. A declaração foi feita pela parapsicóloga Marcia Coberô, no último domingo, 6, em Cáceres, no encerramento de uma Conferência de dois dias e onze horas de duração que contou com a participação de cerca de 200 pessoas de várias cidades da região.
Durante o evento organizado pela Diocese de São Luiz, que também envolveu membros do Clero, a especialista de 63 anos e om 37 anos de experiência, utilizou exemplos teóricos e práticos para afirmar que Deus é único e capaz de ajudar a suporta, lidar e resolver problemas. Coberô apresentou dados, fatos e estudos que compravam que pessoas desesperadas são vítimas de charlatões de toda espécie, que vendem falsos milagres.
Ela também fez demonstrações práticas e teóricas de como falsos doutrinadores e seitas, usam inclusive do Evangelho para iludir e ludibriar as pessoas. ‘Você acha mesmo que se um ser humano tivesse o poder de prever e curar, ele não usaria em seu benefício e da humanidade? ’, questionou.
Durante a Conferência ela demonstrou que fenômenos paranormais como assombrações, são na verdade produtos da imaginação humana. ‘Não há feitiços, reencarnação e comunicação com mortos, assim como não existe sonhos proféticos. Você apenas imaginou uma situação ao dormir de tanto pensar nela’, argumentou.
Com relação aos milagres da Igreja Católica, Marcia Coberô, apresentou estudos científicos que não explicam fenômenos como a aparição de Nossa Senhora de Guadalupe no México e a conservação do cadáver de Nossa Senhora de Lourdes da França.
Marcia Coberô pertence ao Instituto Padre Quevedo. Clique aqui e conheça.