TEMPO COMUM ''Minhas ovelhas escutam minha voz, eu as conheço e elas me seguem.'' Jo 10,27

INFORMATIVO

Cadastre e receba nosso informativo

03/07/2019 Igreja no Brasil já se prepara para a canonização de Irmã Dulce, o Anjo bom da Bahia

Irmã Dulce, o Anjo Bom da Bahia, será elevada aos altares no dia 13 de outubro, em celebração presidida pelo Papa Francisco, em Roma, no Vaticano, coincidindo com a realização do Sínodo para a região Pan-Amazônica. O anúncio de sua canonização aconteceu na manhã de segunda-feira, dia 1º de julho, quando o papa presidiu, na Sala Clementina, no Vaticano, o Consistório Ordinário Público para a Canonização da Bem-Aventurada e de outros quatro beatos. Em Salvador (BA), inúmeros fiéis se uniram aos jornalistas, durante coletiva de imprensa, realizada no Santuário da Imaculada Conceição da Mãe de Deus, para ouvir a notícia dada pelo arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, dom Murilo Krieger.

Segundo dom Murilo, esta canonização passa a ser um compromisso para que todos repitam seus gestos e busquem a santidade. “Irmã Dulce veio nos dizer que cada época tem seus santos, mas em uma coisa todos os santos são semelhantes: no amor a Deus e no amor e dedicação ao próximo, especialmente aos preferidos de Jesus, os mais pequeninos. Somos gratos por este gesto do papa. Irmã Dulce deixou uma obra que precisa ser continuada”, disse.

Para o arcebispo metropolitano de Belo Horizonte (MG) e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Walmor Oliveira de Azevedo, a bem-aventurada Irmã Dulce é exemplar na vivência do amor cristão – que deve ser marca indelével no coração de cada pessoa. O presidente da CNBB ressalta que se todos pudessem cultivar a fraternidade, a proximidade, com atitudes efetivas de amparo aos mais pobres, espelhando-se na vida de Irmã Dulce, o mundo se tornaria muito melhor. “A canonização da Irmã Dulce é motivo de grande alegria, um especial presente do papa Francisco a todos nós brasileiros. Proclamada Santa da Igreja, Irmã Dulce poderá inspirar ainda mais pessoas a trilharem o caminho do bem, da generosidade e solidariedade ao próximo”, disse.

 

Confira a notícia na íntegra