TEMPO COMUM Respondeu-lhes Jesus: "Errais, não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus". (MT 22,29)

INFORMATIVO

Cadastre e receba nosso informativo

24/03/2017 Comissão para os Ministérios Ordenados discute formação para Diretores Espirituais Proposta é que curso ocorra em quatro escolas do Brasil

Proposta é que curso ocorra em quatro escolas do Brasil

Uma formação para Diretores Espirituais está na pauta da Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Para discutir o assunto, representantes da Comissão estiveram reunidos hoje, 24, na sede da Conferência, em Brasília (DF).
A ideia é que o curso seja oferecido nas quatro escolas de formação que existem hoje no Brasil, nas seguintes cidades: Fortaleza (CE), Taubaté (SP), Belo Horizonte (MG) e Londrina (PA). De acordo com o bispo auxiliar de São Paulo e referencial da Pastoral Vocacional, dom José Roberto Fortes Palau, o objetivo é qualificar os padres para assumir a missão: “Precisamos qualificar os nossos padres para essa missão tão importante na Igreja, que é o acompanhamento espiritual, e por isso, nós estamos pensando em oferecer pela CNBB uma formação qualificada sobre esse assunto da direção espiritual”, enfatizou.
Para o bispo, há uma carência muito grande de formação para Diretores Espirituais no Brasil, e por isso, a Comissão resolveu tomar essa atitude. “Nós temos poucos diretores espirituais no Brasil, precisaríamos de um número bem maior”, sublinhou.
A proposta da Comissão é que o Curso para Diretores Espirituais comece a ser desenvolvido em meados do mês de julho em pelo menos duas escolas de formação. “É uma carência que nós percebemos e que precisamos atender essa demanda, então há uma preocupação da CNBB de preparar os formadores dos nossos seminários, e essa então é urgente e necessária”, completou dom José.
A formação terá como tema “Orientação e Prática de Direção Espiritual” e sua ementa pretende girar em torno de temas relacionados a “Direção Espiritual” e ao “Discernimento dos Espíritos”. “Desta forma pretendemos ajudar os nossos formadores nesse trabalho que é árduo, mas que é fundamental para a formação dos nossos padres, conclui dom José Roberto Palau.

Curso Nacional de Atualização para Formadores

No período da tarde, a Comissão também discutiu uma outra proposta, a do Curso Nacional de Atualização para Formadores. A iniciativa acontecerá nos dias 10 a 14 de julho, no Centro de Eventos Padre Vitor Coelho de Almeida, em Aparecida, São Paulo (SP). Para o arcebispo de Porto Alegre e presidente da Comissão, dom Jaime Spengler, a ocasião trará a oportunidade de tratar sobre a dimensão espiritual na vida do seminarista e do futuro presbítero. “Se trata de uma dimensão fundamental na vida dos padres e também dos consagrados. Nós desejamos nesse encontro debater e estudar com mais profundidade esta questão. Para isso, estará conosco dom Jorge Patrón, que é o secretário da Congregação para o Clero e que se dedica a dimensão dos seminários. Esperamos reunir em Aparecida um número consistente de Formadores e Diretores Espirituais dos nossos seminários, para que possamos realmente crescer na compreensão desta dimensão tão importante na nossa vida”, destacou.