TEMPO COMUM Respondeu-lhes Jesus: "Errais, não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus". (MT 22,29)

INFORMATIVO

Cadastre e receba nosso informativo

26/04/2017 Baleia Azul – Tomemos mais conhecimento sobre este fato Artigo Pe. Wender Souza - Coord. Regional Pastoral Juvenil

 

Ei, você já ouviu falar no jogo da Baleia Azul?

O jogo que ficou muito popular nos últimos dias, onde as pessoas deveriam fazer algumas missões?

Não estamos falando de qualquer missão, ou desafio, quem brinca pode perder a vida.

VOCÊ SABIA?

Nas ultimas semana este assunto da “Baleia Azul”, parou as redes sociais, e parou até mesmo nos jornais aqui no Brasil. Os jornais diziam para os pais prestarem atenção ao comportamento dos filhos, tudo isso por conta de um tal desafio da “Baleia Azul”.

Este desafio faz com que estes adolescentes passem por uma série de missões até chegarem na última que seria cometer suicídio. Diante desta brincadeira, começou a surgir várias indagações: será que é verdade? Será que funciona? Será que tem gente mesmo que esta brincando nisso?

A MENINA QUE COMEÇOU O JOGO

A origem de toda esta brincadeira diabólica se deu com uma menina Russa chamada Rina Palenkova. Esta menina teria se matado, se jogando na frente de um trem.

A história toda começa com esta menina, pois momentos antes dela se matar, ela publicou em sua rede social, um simples adeus. Esta é uma história muito triste, trágica…, mas sabemos como funciona a Internet, as redes sociais, e esta garota passou a viver como um “meme” na Rússia.

Diante disso passou a surgir várias montagens com ela. E como ela se tornou um “mene”, ou seja, uma espécie de símbolo, a galera, a turma, os adolescentes e jovens não tendo o que fazer, começaram a investigar a vida dela e acabaram descobrindo que ela compartilhava alguns posters relacionado a depressão e ao suicídio.

Foram atrás das páginas que ela curtia, os perfis que ela seguia, os grupos que ela fazia parte. E nestes grupos foram encontrados várias postagens misteriosas desta garota.

Em março de 2016 um jornal Russo chamado Novaya Gazeta, fez uma reportagem falando sobre os grupos de morte, que existiam nas redes sociais, e era estes grupos que ela fazia parte. E por meio destes estudos, toda esta história passa a fazer sentido, porque os jornais começam a publicar, algumas conversas, postagens que rolavam nestes grupos, e estas postagens eram muito semelhante com as Rina via e postava. Lembrando que a matéria foi feita no ano de 2016 e Rina se matou em 2015.

O TÃO TEMIDO JOGO

Pesquisando mais a fundo dentro destas comunidades foi encontrado uma espécie de jogo. O nome do jogo é “Woke Me Up At 4hs20mn”, que significa: “me acorde às 4hs20mn. Segundo os psicólogos, psiquiatras, psicanalistas nestes casos, 4hs20mn, seria a hora mais comum em que a galera cometesse suicídio. Seria o momento que a depressão estaria a todo vapor.

Em outros casos, este jogo era conhecido como “Blue Whale”, que traduzido significa “Baleia Azul”.

O mesmo jornal ainda relatou, que descobriram que o jogo tinha várias desafios, entre eles se cortarem, se furarem, fazer desenhos da baleia no seu próprio corpo, com uma faca.

O desafio é claro: cometer suicídio.

Outra coisa interessante que liga o caso de Rina, estes grupos e este jogo todo, era que dentro destes grupos Rina não era considerada uma “meme”, e sim uma espécie de “deuza”, como de fato deu início a tudo isso. Foi ai que concluíram que um jogo na internet poderia esta influenciado, até mesmo ajudando pessoas a se matarem.

Existe até uma teoria que diz que o jogo foi inspirado em um livro chamado 50 dias antes do meu suicídio, mais nada ainda foi confirmado.

A notícia espalhou tão rápido que outros jornais, mídia, começaram a pesquisar outros grupos de morte para entenderem e descobrirem outras coisas.

Um grupo muito famoso que foi pesquisado foi o #F57, um lugar cheio de informação sobre o suicídio e alta mutilação. Neste grupo existia vária publicações misteriosas, mais sempre fazendo referencia ao jogo “Blue Whale” (Baleia Azul), até mesmo fazendo uso da imáfem #F57, ou até mesmo de uma baleia.

Até o momento poderia dizer que era historias de internet, não tinha muita gente botando fé, eram meio como boatos. Ninguém estava se preocupando com isso, até fazerem a lista que mostrava as pessoas que teriam morrido por causa deste jogo.  E ai sim que as coisas começaram a ficar sérias, não eram mais só números, mas nomes.

Depois disso em muitos países começaram a rolar investigações policiais e acharam um suspeito em outubro de 2016, um jovem chamado Filip Budiken.  Budisken era conhecido como um “The Fox” na internet. Foi preso por ser justamente um dos administradores do grupo que tinha causado mais ou menos 15 mortes.

Filip era esperto, desmentiu tudo, dizendo que estava ali no grupo para ajudar os jovens que ali faziam parte. Nisto acabou sendo solto. Isso aconteceu ano passado.

A BALEIA AZUL NESTE ANO DE 2017

No início deste ano de 2017, novos sites russos, voltaram a fazer publicações a respeito deste jogo. E o jogo que não era tão conhecido, passou a ser visualizado na internet.

Toda esta visualização aconteceu devido uma grande matéria que começou se espalhar no facebook. Um texto que supostamente teria sido enviado pela polícia, para as escolas. As escolas com medo e desesperados pedia para os pais compartilhar o mesmo no facebook, e assim gerou uma grande corrente.

O texto dizia que um grande suicídio em massa estaria sendo planejado, que mais de 5.000 jovens iriam morrer ao mesmo tempo. Foi neste momento que o jogo se tornou popular.

Diante disso, os jornais russo desmentiram, dizendo que era uma farsa, que ninguém se mataria, e assim fechou o assunto.

Ressentemente o assunto passou a se popularizar novamente, pois duas garotas de 15 e 16 anos se jogaram de um prédio e teria ligação com o jogo. Yulia de  15 anos – teria posto uma foto da Baleia Azul, com uma legende “END”, antes de se matar. Com isso começou a despertar interesse para conhecer o jogo a muitos jovens e adolescentes.

COMO É QUE FAZ PARA PARTICIPAR?

QUE JOGO É ESTE?

ONDE QUE EU ENTRO?

QUAIS OS DESAFIOS?

Para participar não basta só entrar no grupo, você precisa ser convidado, por uma pessoa chamada “curador”, que são as pessoas que irão passar os desafios do jogo. Supostamente seria 28 desafios que vão se repetirem até chegar aos 50. Para finalizar cada missão que foi feita, teria que tirar uma foto a mandar para o curador.

Caso a pessoa entre no jogo, ou tem a chance de entrar e depois se arrepender e quiser sair, é tarde de mais. Os administradores ameaçam suas famílias, até mesmo seus parentes, se você não quiser participar do jogo. É melhor não entrar.

Não se sabe ao certo quem criou isso e se isso é um grupo… de uma olhada no comportamento de seus filhos, netos… muita gente esta levando a brincadeira, mas de brincadeira não se tem nada.

50 DESAFIOS DO JOGO BALEIA AZUL

  1. Com uma navalha, escreva a sigla “F57” na palma da mão e em seguida enviar uma foto para o curador.
  2. Assista filmes de terror e psicodélicos às 4:20 da manhã, mas não pode ser qualquer filme, o curador indicará, lembrando que ele fará perguntas sobre as cenas, pois ele quer saber se você realmente assistiu.
  3. Corte seu braço com uma lâmina, “3 cortes grandes” mas é preciso ser sobre as veias e o corte não precisa ser muito profundo, envie a foto para o curador, e seguirá para o próximo nível.
  4. Desenhe uma baleia azul e enviar a foto para o curador.
  5. Se você está pronto para se tornar uma baleia escreva “SIM” em sua perna. Se não, corte-se muitas vezes “Castigue-se”.
  6. Tarefa em código.
  7. Escreva “F40” em sua mão, envie uma foto ao curador.
  8. Em sua rede social, escreva “#i_am_whale” no seu status do VKontakte(Rede Social Russa) ou no Facebook. O texto significa “Eu sou uma Baleia”.
  9. Ele te dará uma missão baseada no seu maior medo, ele quer fazer você superar esse medo.
  10. Acorde as 4:20 da manhã e suba em um telhado, quanto mais alto melhor.
  11. Desenhe uma foto de uma baleia azul na mão com uma navalha e enviar a foto para o curador.
  12. Assista filmes de terror e psicodélicos, todas as tardes.
  13. Ouça as músicas que os “curadores” te enviarem.
  14. Corte seu lábio.
  15. Fure sua mão com uma agulha muitas vezes.
  16. Faça algo doloroso, “machuque-se”, fique doente.
  17. Procure o telhado mais alto, e fique na borda por algum tempo.
  18. Suba em uma ponte e sente-se na borda por algum tempo.
  19. Suba em um guindaste ou pelo menos tente.
  20. No próximo passo o curador irá verificar se você é de confiança.
  21. Encontre outra baleia azul, “outro participante”, o curador te indicará.
  22. Pendure-se novamente em um telhado alto, e apoie-se na borda com as pernas penduradas.
  23. Outra tarefa em código.
  24. Tarefa secreta.
  25. Reunião com uma baleia azul que o curador indicará.
  26. O curador indicará a data da sua morte, e você aceitará.
  27. Acorde as 4:20 e vá a uma estrada de ferro.
  28. Não fale com ninguém o dia todo.
  29. Fazer um voto de que você é realmente uma Baleia Azul.

30-49. Todos os dias, você deve acordar às 4:20 da manhã, assistir a vídeos de terror, ouvir música que “eles” lhe enviam, fazer 1 corte em seu corpo por dia, falar “com uma baleia”. Durante o intervalo dos desafios entre 30 e 49.

  1. Tire sua própria vida.

 

 

Pe. Wender Souza dos Santos

Pároco da Paróquia de Tesouro MT

Assessor Regional da Pastoral Juvenil

Membro do Conselho Nacional para os Trabalhos com a Juventude

Teólogo / Filósofo / Especialista em Análise Existencial

filosofowender@hotmail.com