TEMPO PASCAL Jesus Cristo Ressuscitou. Aleluia!

INFORMATIVO

Cadastre e receba nosso informativo

PASTORAL DA CATEQUESE

Pastoral da Catequese

 

O que é

É a educação permanente da fé que acompanha a pessoa por toda a vida e se integra no seu crescimento global. Visa à comunhão e a participação na comunidade de fé. (Cf. CR 129).

Objetivo Geral

Desenvolver um processo permanente de iniciação e formação na fé, com ênfase nos adultos, à luz da Palavra de Deus, proporcionando um encontro pessoal e comunitário com Jesus Cristo, que leve à conversão, ao engajamento na comunidade eclesial e ao compromisso missionário.

Ações Práticas

• Integrar a família e os responsáveis pelos catequizandos na catequese com encontros e visitas;
• Proporcionar aos catequizandos conhecimento das pastorais e movimentos e engajá-los nas suas atividades;
• Continuar o processo de formação de catequistas para todas as etapas, usando um material unificado para toda a Diocese;
• Participar dos encontros no Regional e refazê-los em nível diocesano, setorial e paroquial.

Trabalhos desenvolvidos no Regional

Com a criação do Regional Oeste II, em 1988, organizou-se as Coordenações das Pastorais. Coube ao Arcebispo Dom Bonifácio Piccinini, arcebispo de Cuiabá, a responsabilidade da catequese. Convidou: Irmã Maria Francisca Gomes Santana, (Salesiana), Frei Natalino (Capuchinho), Ir. Catarina Correa (Catequista Franciscana) e Ir. Anete (Albina Pedó) – da Divina Providência, para formar a 1ª equipe de coordenação. Destaques: articulação da catequese, em todos os níveis; criação das equipes de coordenação de catequese nas dioceses(s), onde não havia; promover cursos de formação para animadores diocesanos de catequese.
1988 a 1989: Eleição da coordenação. Critérios: equipe ampliada constituída pelas coordenações diocesanas, equipe executiva composta por quatro pessoas, com a duração de dois anos. Ir. Anete foi eleita como articuladora da equipe. Ficou estabelecido um curso anual a nível regional, para as equipes de coordenação regional e diocesanas de catequese. Curso programado: Bíblia na Catequese. – Assessor: Pe. Wolfgang Gruen.
1990 a 1993: Articulador: Frei José Cornélio Angélico. Enfoques: Formação, Catequese Urbana e catequese da Crisma. Cursos realizados nesse período: Catequese Renovada e Nova Evangelização, Critérios e conteúdos na formação dos Catequistas com o estudo do Documento 59; Curso: Catequese da Crisma e Catequese Urbana; Curso: Estudo do Documento “Santo Domingo” e o Novo Catecismo da Igreja Católica – Assessores: Frei Bernardo
Cansi e Inês Broshuis.
1994 a1998 – Novamente reeleita articuladora Ir. Anete (Albina Pedó). Cursos anuais, precedidos dos encontros da equipe central com a equipe ampliada de Coordenação de Catequese. “Catequese para um Mundo em Mudança” (1994). “Interpretação da Bíblia na Igreja”, tendo como Assessora Terezinha Cruz. (1995) “Estudo do documento 59 – Formação dos Catequistas, com o Assessor Pe. Domingos Dorigon, Assessor Nacional da Catequese.
(1996) “Pedagogia de Jesus no Evangelho de Marcos. Assessor P. João Inácio Wensel –SJ, de Cuiabá. Nesse período nos conectamos com o Projeto Rumo ao Novo Milênio- CATEQUESE RUMO AO NOVO MILÊNIO.
1º de abril de 1999 em diante: Dom Juventino Kestering, Bispo Diocesano de Rondonópolis assume a assessoria da catequese no Regional Oeste 2 a coordenação regional de catequese continuou com uma equipe ampliada e uma equipe executiva. Ir. Anita David da Congregação das Irmãs Catequistas Franciscanas, assumiu a Articulação da equipe regional.